Como funciona o colesterol

Autor: 
Dr. Jerry Gordon
colesterol

Segundo a Associação Americana do Coração (em inglês), altos níveis de colesterol são fatores de risco para doenças do coração, principal motivo de mortes nos Estados Unidos. Mais de 100 milhões de americanos têm níveis de colesterol que excedem o total recomendado, e 20% dos americanos têm níveis considerados altos [ref - em inglês]. No Brasil, segundo a Sociedade Brasileira de Cardiologia, 40% da população apresenta altos índices de LDL no sangue. O LDL é considerado o colesterol "ruim".

A
Organização Mundial de Saúde (OMS) estima que aproximadamente 17
milhões de pessoas morrem a cada ano em conseqüência de doença
cardiovascular e que o colesterol elevado é um dos principais fatores
de risco associados.


Você pode verificar os rótulos nutricionais das embalagens de alimentos para obter informações sobre o colesterol

Por sua vez, a Organização
Panamericana de Saúde (OPS) estima que no ano de 2010, a doença
cardiovascular será responsável por uma em cada três mortes na região.

Os níveis elevados de
colesterol LDL, ou ruim, constituem um fator de risco cardiovascular
importante; reduzir o LDL é o principal objetivo do tratamento redutor
de colesterol. As metas atuais para o colesterol LDL propostas pelas
diretrizes do ATP 3 (Adult Treatment Panel
) do NCEP (National Cholesterol
Education Program)
dos Estados Unidos, são cada vez mais exigentes. Portanto, um tratamento baseado no conceito “quanto mais baixo o colesterol, melhor” a fim de reduzir a incidência de aterosclerose e eventos coronarianos deve buscar atingir essas metas.

Algo que sempre escutamos é que um pouco de colesterol é vital para a vida humana. Neste artigo daremos uma olhada no colesterol, veremos porque ele é necessário para as funções normais do corpo humano e por que, em altos níveis, ele pode ser mortal para muitas pessoas. Mostraremos também o que contribui para o aumento do colesterol e os tratamentos contra esses altos níveis para que você possa tomar atitudes que limitem os riscos a sua saúde. Mas primeiro, vamos responder a uma pergunta importante: o que é o colesterol?