Como funciona o Facebook

Autor: 
Jonathan Strickland

Em 2004, Mark Zuckerberg, Dustin Moskovitz e Chris Hughes, três estudantes da Universidade de Harvard, lançaram um site projetado para colocar os estudantes em contato uns com os outros, a fim de compartilharem suas fotos e encontrarem novas pessoas. Eles o chamaram thefacebook.com, e logo o site se tornou extremamente popular no campus de Harvard. Um mês após seu lançamento, os criadores o expandiram para incluir estudantes de Stanford, Columbia e Yale. Em 2005, os estudantes em 800 redes universitárias ao longo dos Estados Unidos podiam se unir à rede, e a sua filiação cresceu para mais de 5 milhões de usuários ativos. Em agosto do mesmo ano, o nome do site mudou para Facebook.

 

Logo do Facebook
Leon Neal/AFP/Getty Images
O logo do site de relacionamento social Facebook
está se tornando mais identificável a medida que o número
de usuários ativos aumenta

O Facebook era originalmente voltado para estudantes universitários, mas hoje todos podem se unir à rede. Embora o escopo do site tenha expandido para incluir mais do que apenas estudantes, o seu propósito permanece o mesmo - dar às pessoas uma maneira de compartilhar informação de uma forma fácil e divertida. Como o MySpace, o Facebook é um site de relacionamento social.

Para explorar o Facebook, você deve criar uma conta gratuita no site. Os termos de uso do Facebook declaram que os membros devem ter pelo menos 13 anos de idade, e qualquer membro entre 13 e 18 anos deve estar na escola. O Facebook exige que os novos membros forneçam um endereço de correio eletrônico válido antes de completar o registro. Uma vez que você tenha criado uma conta e respondido a perguntas sobre onde você trabalha, onde estudou e onde mora, o Facebook irá gerar um perfil para você.

Por que todas essas perguntas?

Por que o Facebook faz tantas perguntas sobre a vida pessoal? O Facebook supõe que muitas das pessoas com quem você desejará se conectar trabalham para a mesma empresa, foram à mesma escola ou moram na mesma cidade que você. Para facilitar o encontro de amigos novos e antigos, o Facebook coleta informações sobre você e todos que se registram para criar uma densa rede de contatos. O lado bom é que você será capaz de ver colegas de turma ou de trabalho antigos que têm contas no Facebook; o lado ruim é que todos na rede serão capazes de encontrar você. Você pode escolher não responder às perguntas ou ajustar as configurações de privacidade de modo que os outros não possam encontrar você, mas isso tende a anular o propósito de um site de relacionamento social.

O Facebook fornece várias maneiras de encontrar amigos.

  • Você pode navegar e se filiar às redes, organizadas em quatro categorias: regiões (redes ligadas a cidades ou países específicos), universidades, locais de trabalho e colégios. Quando você se filia a uma rede, pode navegar através da lista de membros e procurar pessoas que conhece. Você pode classificar as pessoas por idade, sexo, estado civil, opiniões políticas e outros critérios.
  • Você pode deixar o Facebook extrair os contatos de uma conta de correio eletrônico na web. Para fazer isso, você tem que dar ao Facebook o seu endereço de correio eletrônico e senha. O Facebook usa um programa que faz uma busca entre os seus contatos de correio eletrônico e compara a lista com a base de dados de seus membros. Toda vez que o Facebook descobre uma combinação, ele dá a você a opção de adicionar aquela pessoa como amigo.
  • Você pode usar a busca do Facebook para procurar por uma pessoa específica. Digite o nome da pessoa no campo de busca e o Facebook apresentará quaisquer perfis que combinem com o nome.

Nesse artigo, nós aprenderemos sobre os perfis e aplicativos do Facebook, e como você pode acessar o site usando dispositivos móveis como telefones celulares.

A seguir, daremos uma boa olhada nos perfis do Facebook.