Televisor de projeção traseira

Autor: 
Tom Harris and Tracy V. Wilson

Se uma tela bem grande é importante para você, procure um televisor de projeção traseira. Estes aparelhos não têm as mesmas limitações de tamanho que os televisores comuns porque não usam tubo de raio catódicos na tela. Ao invés disso, eles usam uma tela de projeção. Existem muitos tipos diferentes de televisores de projeção traseira.

  • Tubo de raio catódico (CRT), que usa três CRTs, um para vermelho, um para verde e um para azul. Podem produzir uma imagem ótima com bom contraste, mas também podem ter baixa definição.
  • Processador digital de claridade (DLP), que usa um ou três dispositivos microespelhos digitais (DMDs) para criar todos os pixels que formam a imagem. O DLP também cria uma boa imagem, mas os espaços entre os microespelhos podem produzir um efeito "screen door". Alguns usuários também percebem um efeito arco-íris ao mover os olhos de um lado para o outro da tela quando apenas um DMD é usado.
  • Tela de cristal líquido (LCD), que direciona a luz através de cristal líquido e a amplifica para projeção. Uma TV LCD pode ser leve e fina, mas não tem um bom nível de preto - a habilidade de produzir um preto real, que é importante para ver os detalhes e para bom contraste.
  • Cristal líquido em silicone (LCoS), é uma mistura de DLP e LCD. O LCoS não tem o efeito "screen door" ou arco-íris que o DLP pode produzir. Não é tão comum como os outros tipos de tela, e alguns aparelhos não têm um bom nível de preto.

Imagem cedida pela Sony
Televisão grande de projeção traseira de 53 polegadas da Sony

Alguns aparelhos de projeção traseira podem ter um ângulo de visão menor que os aparelhos padrão. Não importa a distância a que você se senta em frente a uma televisão padrão, a tela mantém a mesma qualidade da imagem. Se você olhar para uma tela de projeção traseira de um ângulo extremo, a imagem pode ficar muito mais escura, sem que se possa ver o que está acontecendo na tela. Os aparelhos de projeção mais novos têm tela de alta qualidade que funcionam bem na maioria dos ângulos, mas os aparelhos mais velhos podem ter um ângulo de visão bastante limitado.

Se você quer comprar uma televisão de projeção traseira, o mais importante é comparar o tamanho, resolução e qualidade da tela. Até uma imagem excelente pode parecer anuviada em uma tela de projeção ruim, então preste atenção ao material da tela. Telas mais escuras são melhores porque apresentam uma imagem com maior constraste entre claro e escuro. Procure também uma tela feita de material anti-reflexo.