Como funcionam as LCDs (telas de cristal líquido)

Autor: 
Jeff Tyson

Selo HowStuffWorks

Você provavelmente usa itens que contêm uma LCD (tela de cristal líquido) todo dia. Elas estão por toda parte: em laptops, relógios digitais e relógios de pulso, fornos de microondas, aparelhos de CD e muitos outros aparelhos eletrônicos. As LCDs são comuns porque oferecem algumas vantagens reais sobre outras tecnologias para telas. Elas são mais finas e mais leves e gastam muito menos energia que os tubos de raios catódicos (CRTs)

Mas por que essas coisas são chamadas de cristal líquido? O nome "cristal líquido" soa como uma contradição. Pensamos em cristais como sendo um material duro como o quartz, geralmente duros como uma rocha, enquanto os líquidos são obviamente diferentes. Como um material pode combinar os dois?

Neste artigo, você vai descobrir como os cristais líquidos realizam esse incrível truque e vai dar uma olhada na tecnologia por trás das LCDs. Também vai aprender como as estranhas características dos cristais líquidos têm sido usadas para criar um novo tipo de obturador e como as grades desses pequenos obturadores abrem e fecham para formar padrões que representam números, palavras ou imagens.


Uma tela simples de LCD de uma calculadora