O protótipo do Pleo

Autor: 
Tracy Wilson

Servomotores

Um servomotor é um pequeno motor elétrico autônomo que inclui engrenagens, circuitos e um eixo para distribuir o movimento gerado. Eles são usados com freqüência em pequenos robôs e aeromodelos.

Para transformar um dinossauro de idéia em modelo operacional, muito trabalho é necessário, especialmente se o objetivo é que o modelo pareça especialmente verossímil. "A primeira idéia era sobre como poderíamos desenvolver uma animação muito mais natural e muito mais relacionada ao personagem", diz Sosoka. "Estávamos trabalhando no desenvolvimento de um protótipo para ver se essa idéia podia realmente ser efetiva. No curso de dois meses, isso resultou em um pequeno modelo móvel. Tínhamos um modelo vermelho e um azul capazes de caminhar, e eles eram quase como caricaturas de robôs, produzidos com servomotores comprados no comércio e peças assim. Mas quando eles se moviam, era muito expressivo".

Earlier Pleo
Foto cortesia Ugobe
Uma versão anterior do Pleo - reparem a diferença nos olhos e cor de pele

O próximo passo era tomar a idéia básica de um robô capaz de caminhar e transformá-la em um dinossauro capaz de caminhar. O trabalho envolveu um conjunto de especialistas, e não apenas em robótica. "Muitas das coisas de que precisamos são muito, muito especializadas", diz Sosoka. "Temos uma espécie de família estendida de fornecedores. Às vezes precisamos recorrer a pessoas de fora para algumas tarefas". A equipe que trabalhava no Pleo mudava de dia para dia. "Temos talentos especiais na área de inteligência artificial (AI), na área de sensores, e coisas assim. Não se sabe direito quem vamos encontrar trabalhando por lá".

Muitos desses especialistas estavam envolvidos no trabalho de fazer com que o Pleo parecesse real. Sosoka explica:

a depender do momento em que você fosse ao laboratório, poderia encontrar uma sessão de gravação na qual estávamos criando as vozes do Pleo. Nosso engenheiro de som depois trabalhava com elas. Há também o escultor que, assim que descobrimos que dinossauro pretendíamos criar, ou representar, foi contratado para nos ajudar. Ele já trabalhou em muitas esculturas de dinossauros, em La Brea, por exemplo, e em recriações históricas. O trabalho dele era nos ajudar a tornar o produto mais realista.

O escultor criou a textura física e a forma da pele termoplástica do Pleo. "Ele produziu todos aqueles pequenos padrões que ressaltam os pequenos calombos da pele, todas as peças em padrões diferenciados", diz Sosoka. Um outro especialista criou os padrões de cor do corpo do Pleo. "Tínhamos também uma pessoa que era um mago da pintura usada para efeitos especiais", explica Sosoka.

A verossimilhança do Pleo também deriva da maneira pela qual ele se move. Procuraremos na próxima seção pela inspiração quanto ao comportamento do Pleo.

Pele Sensível

A Ugobe percebeu que a cor da pele do Pleo pode começar a se desgastar com o uso. A empresa sugere um ou dois truques para proteger o pigmento do dinossauro. Um deles é usar talco para bebês - isso reduz a fricção. Outra é alisar o dinossauro gentilmente com a mão, não com as unhas.